Anuncio

Breaking News
recent

Anuncio

Microsoft muda política de privacidade depois de ela mesma invadir um email


Empresa acessou o email do Hotmail de blogueiro francês para descobrir informações sobre o vazamento de códigos-fonte de alguns dos seus produtos por um funcionário.

Microsoft muda política de privacidade depois de ela mesma invadir um email(Fonte da imagem: Reprodução/MobilityDigest)

Recentemente, a Microsoft invadiu uma conta de email  do Hotmail de um blogueiro francês sem a sua permissão para rastrear informações sobre um funcionário que vazou códigos-fonte de alguns dos seus produtos – o qual acabou preso.
A medida foi revelada pela própria Microsoft, que alegou precisar de provas suficientes para uma ordem judicial. A medida estaria em consonância com os termos de serviço do Hotmail, os quais todos os usuários aceitam antes de criarem suas contas.

Mudanças nos termos de serviço


Mesmo assim, a medida pegou muito mal para a Microsoft, e a empresa foi amplamente criticada por usuários e também por organizações não governamentais que zelam pela privacidade das pessoas na internet.
A indignação surtiu efeito, e a Microsoft agora vai fazer mudanças nos termos de serviço do seu serviço de email. Em um post publicado hoje na plataforma de blogs da Microsoft, Brad Smith, do Conselho Geral da companhia, afirmou que isso nunca mais vai acontecer de novo e explicou como a empresa lidará com problemas semelhantes no futuro.

Processos legais


“A partir de agora, se recebermos informações que indicam que alguém está usando os nossos serviços para vazar propriedade intelectual ou física roubadas da Microsoft, não vamos inspecionar o conteúdo privado de um cliente nós mesmos. Em vez disso, vamos submeter a questão à aplicação da lei, se forem necessárias novas medidas”.
Em outras palavras, a empresa vai recorrer aos processos legais para resolver a questão, o que representa um sinal de progresso para companhia. Além disso, a Microsoft está fazendo uma parceria com o Electronic Frontier Foundaion e também com o The Center of Democracy and Technology para discutir questões de privacidade do consumidor.

Fonte: EngadgetTechnet
Antonio Augusto Soares Lemos

Antonio Augusto Soares Lemos

Tecnologia do Blogger.