Anuncio

Breaking News
recent

Anuncio

Amazon começa a processar quem faz avaliações falsas em seu site



A Amazon caçou internautas que ganham dinheiro fazendo avaliações falsas em seu site e abriu ações judiciais contra cada um deles. Segundo reporta o Guardian, 1.114 pessoas foram processadas.
Os fraudadores foram encontrados no Fiverr, uma plataforma onde pessoas podem se oferecer para pequenas tarefas remuneradas. Os reviews falsos eram vendidos por preços a partir de US$ 5.
Ao contrário dos sistemas automatizados que costumam ser usados para esse tipo de fraude, o pessoal que está sendo processado fazia um trabalho manual. Numa página sobre um cabo USB, por exemplo, a Amazon encontrou comentários que foram pensados para o produto, como “Isso melhorou minha vida”, “Definitivamente comprando mais... fiquei impressionado com a luminosidade do cabo” e “Um bom carregador”.
Como os fraudadores escondem seus nomes e usam múltiplos IPs para não levantar suspeitas, a Amazon começou a contratá-los pelo Fiverr, na intenção de obter informações e, assim, conseguir processá-los. A plataforma, em si, não foi citada, porque tem ajudado a varejista a combater o problema e tem regras claras contra esse tipo de trabalho em suas políticas.
“A Amazon abriu essa ação para proteger seus consumidores dessa conduta ruim, interrompendo os réus e arrancando-os da raiz do ecossistema em que participam”, afirmou a empresa, em nota.
Antonio Augusto Soares Lemos

Antonio Augusto Soares Lemos

Tecnologia do Blogger.